O que é averbação do empréstimo consignado?

O que é averbação do empréstimo consignado?

A contratação do empréstimo consignado tem se tornado cada vez mais um processo simples e rápido. Por isso, muitas pessoas ainda se assustam quando se fala sobre a averbação do empréstimo consignado, mesmo que esse seja um procedimento simples

A averbação do empréstimo consignado envolve três ações: (1) a reserva do seu salário ou benefício para o banco; (2) a reserva da margem consignável usada e; (3) o envio das condições do seu contrato para o banco, como prazo para pagamento e taxa de juros. 

Sendo assim, é a averbação que garante que o pagamento das parcelas do empréstimo seja feito de maneira automáticaPois todo mês o responsável pelo seu salário ou benefício, como o INSS, por exemplo, sabe por quantos meses e qual o valor deve enviar para o banco.  

Continue lendo para entender como a averbação do empréstimo consignado é realizado, quanto tempo demora e como ter certeza que a averbação foi realizada.   
 

Como é feita a averbação do empréstimo consignado? 

Quando você realiza a solicitação de um empréstimo consignado, a sua proposta não é analisada apenas pelo banco, mas também pelo órgão responsável pela sua renda, como o INSS para aposentados e pensionistas ou o o Sistema de Gestão de Pessoas do Governo Federal (Sigepe) para servidores federais (Siape). 

Isso é feito para garantir que você tem margem consignável disponível para contratar o empréstimo e que o valor das parcelas se enviado todos os meses para o banco.  

É por isso que você só pode contratar o seu empréstimo consignado com bancos que sejam conveniados ao órgão responsável pela sua renda, pois só assim é possível realizar a averbação do contrato do seu empréstimo consignado.  

Hoje, tanto para aposentados e pensionistas do INSS e servidores públicos, a averbação do contrato do empréstimo consignado é feita através de sistemas online, fazendo com que o processo seja mais simples.  

Aposentados e pensionistas do INSS 

Para aposentados e pensionistas do INSS, o processo de averbação é realizado através do Dataprev. O primeiro passo é confirmar se a pessoa realmente recebe algum benefício consignável pelo INSS. Depois disso, o processo de autorização do empréstimo consignado acontece. A margem consignável usada pelo empréstimo é descontada da margem livre e é informado ao órgão o valor das parcelas e em quantos meses você fará o pagamento, para que o dinheiro seja debitado corretamente do seu benefício. 

Servidores públicos federais (Siape) 

Para servidores públicos federais (Siape) o procedimento é realizado da mesma forma que para aposentados e pensionistas do INSS. Porém, a averbação é realizada através do Sigepe. 

Durante o processo, é informado ao Sigepe todas as informações sobre as condições de pagamento do empréstimo consignado, além da realização da reserva do valor das parcelas do seu salário para o banco. 

Servidores públicos estaduais e municipais  

A averbação do empréstimo consignado para servidores públicos estaduais e municipais é realizada através do Departamento de Recursos Humanos do estado ou município que você trabalha.   

Hoje em dia, a maioria dos estados e municípios contam com portais online que geram as folhas de pagamento. Esses portais também serão usados para a realização da averbação do empréstimo consignado.  

Quanto tempo demora? 

Como essa é uma etapa fundamental para que o dinheiro do seu empréstimo seja liberado, é essencial que você passe todas as suas informações corretamente a instituição financeira que você irá contratar seu empréstimo consignado.  

Isso porque se todas as informações estiverem corretas a averbação do seu empréstimo consignado acontece em até dois dias úteis.  

Porém é importante ressaltar que esse prazo é apenas para novos contratos de empréstimo consignado. Pois também acontecerá a averbação em caso de portabilidade do empréstimo consignado. Porém, em caso de portabilidade o prazo para averbação é de até 15 dias úteis.  

Como ter certeza que a averbação foi feita? 

Geralmente, todo o processo de contratação e liberação do dinheiro de um empréstimo consignado acontece em até cinco dias úteis. Se após esse prazo, o valor do seu empréstimo consignado não estiver disponível na sua conta, o indicado é que você entre em contato com a instituição que você fez a contratação. 

Porém, na maioria dos casos, a própria instituição financeira irá entrar em contato com você caso haja algum problema na sua solicitação. Os problemas mais comuns na hora de realizar a averbação do empréstimo consignado são: 

  • Informações erradas; 
  • Documentação irregular; 
  • Restrição interna do banco, 

No entanto, quando isso acontecer, você será informado sobre os motivos que impediram a averbação do contrato do seu empréstimo consignado. Além disso, é possível é possível enviar o mesmo contrato novamente para análise e averbação. Mas é importante revisar seus dados para que seu dinheiro seja liberado em menos tempo.  

Desaverbação do empréstimo consignado 

A desaverbação do empréstimo consignado pode acontecer em duas situações:  

Portabilidade ou refinanciamento 

Isso acontece quando você decide levar seu empréstimo para outro banco, ou refinanciá-lo no mesmo banco que contratou. Nos dois casos acontecerá a desaverbação do seu empréstimo, nestes casos ele será substituído por outro contrato que precisará ser averbado. Por isso, o prazo para averbação da portabilidade de um empréstimo consignado é maior, pois será realizado dois processos: a desaverbação do contrato antigo e a averbação de um novo contrato.  

Quitação de um empréstimo consignado 

Neste caso, a desaverbação acontece quando você já acabou de fazer o pagamento do seu empréstimo. Por isso, quando acontece a averbação do contrato é informado em quantos meses o empréstimo será pago. Para que não aconteça nenhuma cobrança indevida.  

Quer encontrar a melhor oferta de empréstimo consignado de forma simples e rápida? Use o nosso Comparador de Empréstimo Consignado e confira as melhores ofertas que os bancos têm para você! 

Posts Relacionados